GOSTA DE ANIMAIS?

SE A RESPOSTA FOR SIM... COMENTE...ENVIE FOTOS...PARTECIPE...TODOS SÂO BEM VINDOS!!!

EMAILS.

roselyhmarcon@hotmail.com

ou

marydolls2@hotmail.com

domingo, abril 13, 2008

Adeus querido Franginhas, Nunca te esquecerei, no meu coração viverás eternamente...



Esta história foi escrita por mim e é verdadeira,foi publicada numa revista Cães e companhia.Na foto pequenina em cima é o meu Franginhas.Hoje conto o resto da história que está em metade, hoje 12 anos depois do meu Franginhas ter nascido,começou ontem muito embaixo, já estava cego faz tempo e morreu de velhice sem eu poder fazer nada, por volta das 16h depois de ter meu ultimo mimo, morreu , ás 19h fui enterra-lo no meu campo,campo esse onde ele adorava passear e correr, passamos lá as férias onde ele adorava jogar á bola.Franginhas desde pequenino sempre foi um cão muito fragil e doente, estando ás portas da morte 2 vezesmas para felicidade minha os veterenários o salvaram, fui avisada desde o seu 1º ano de vida,que ele tinha um problema no coração e teria de viver com cuidados e medicação,fui avisada que podia ter 1 mês de vidaou podia viver uma vida normal, tudo dependia da sorte e dos cuidados.Tentei por tudo o ajudar, passei noites ao relento abraçada ao franginhas e ele com falta de ar, tremia cada vez que o via assim,ele era electrico, não sabia parava, enlouquecia quando via uma bola, um arco, mas o Franginhas aprendeu com os anos a se controlar e quando se sentia cansado, nem uma bola o tirava do sitio e começou a viver melhor, sem grandes problemas, até sexta passada, não comeu, o senti em baixo, o veterenário disse está velho,é da idade, um dia ia chegar eu sabia que ele já estava cego, desdentado, mas estava bem.Ontem já não comeu,nem saia da cama,tinha o focinho roxo, ouvia minha voz levantava a cabeça levemente,eu fazia-lhe um mimo e ele deitava,dormia . Hoje fiz-lhe um mimo, nem se mexeu e assim ficou dormindo para sempre...Desculpem mas precisava desabafar minha dor ,minha tristeza, espero que me entendem, quem gostar,e ter animais de estimação ou quem já os perdeu tenho a certea que me entenderá...Deixo foto deles com fio cor prata está minha Nina , sempre seria,que tem alguns meses de diferença dele mas sempre foi mais saudavel, e anda por toda a casa o procurando. Com fio cor dourado está meu adorado Franginhas sempre sorrindo. Nunca vou te esquecer, foste o cão mais inteligente que tive, que conheci, pareciassaber o que eu sentia,as horas de ir ao café, hora de levantar,hora de passear, adoravas as prendas do Natal.Adoravas jogar á bola e correr quando iamos para o nosso campo, foi para lá que hoje te levei, te enterrei com muita dor,e vim embora te deixando lá mas estás sempre no meu coração...
Meu cão como eu te chamava e tu corrias para mim.
Meu cão eu te adoro e não quero mais nenhum no teu lugar,tu és unico
ADEUSSSSSSSSSSSSSSSSS
MEU AMIGO DE TODAS AS HORAS

Desculpem.....Até amanhã

Mil beijos da Mary

10 comentários:

FRANGINHAS,NINA,DIANA E ESTRELA disse...

teste

MARY DOLLS disse...

Foi graças á amiga Bere que descobri este problema de as pessoas não conseguirem comentar aqui, lameto o sucedido mas com tantos problemas e a morte do meu amado franginhas tenho andado afastada e nem no blog tenho vindo.
Obrigada a todas que vieram e tentaram comentar.Agora com este comentario teste acho que já é possivel comentarem.
Mil beijos da Mary

isabel tiago disse...

Faz cinco anos que a nossa anterior cadelita, já com 13 de idade foi atropelada pelo meu filho mais velho sem querer e foi trágico. Era adorada por todos nós, muito saudável e vivaça. Agora tenho uma com mistura de poodle e cão de pelo de arame mas que é deslumbrada por água. Eu não queria voltar a ter um cão por essa situação de perdê-los mas aconteceu. Já tem cinco anos e passa o tempo a olhar para mim.
Chama-se Nessie.

Daisy Carpi disse...

Oi Mary
Fiquei muito emocionada com o acontecido,perdi uma poodle no ano passado,em abril,com 13 anos. E agora,em abril perdi uma bulldog com 4 meses,nsceu com problema renal.
E apos alguns dias perdi uma boxer,com 9 anos.Foi um mes muito triste para nós.
Veja as fotos delas aqui:
http://fotolog.terra.com.br/coracoralina_aquarelas
bjs
Daisy

rosinacrochetrico disse...

Olá Mary,

Posso compreender perfeitamente sua dor.... Mas infelizmente essa é a única certeza que temos em nossas vidas.

Bjs.em seu coração e que Deus lhe dê forças.

com carinho
Rosina

Alessandra Felipe disse...

Oi linda....sinto muito sobre seu amado franjinhas....meu Max também já está envelhecendo e é difícil pra nós...espero que fiques bem porque ele está no jardim maravilhoso de Deus, feliz por ter tido sua companhia...beijo grande...

Fazendo Crochê disse...

Mary
Hoje estive aqui, apesar da distância...não poderia deixar de comentar...eu sinto muito, sei que é muito triste, ele te deu muitas alegrias, tristezas...chegou a hora de descansar, lá onde esta sei que olha pra vc com muito carinho e satisfação pq ele te fez muito feliz e vc a ele...desejo que fique bem!
Com carinho
Vânia

Pandora disse...

Minha querida Mary, como fiquei triste com esta noticia. Fica com o consolo que ele teve uma vida boa e que se calhar se tivesse ido para outra pessoa teria tido uma vida ruim. Sabes bem como eu adoro os meus animais, e como sofro com a sua partida , mas a vida é assim mesmo e temos de continuar em frente.

Por outro lado fiquei satisfeita por teres voltado a escrever neste blog.
Tenho mais um pendurinha cá em casa e gostava de te contar a história dele. É o Mateus e literalmente saíu do nada...
Beijos e volta a visitar-me sempre que quiseres.

Cantinho da Hakathi disse...

Oi querida, lamento por seu Franjinhas, minha Fofa teve cinomose(gripe canina) e a salvei, mas ficou com seqüelas, sua perna sempre treme em tempode chuvas ou quando fica nervosa...
No meu blog tenho moldes de roupas para os cachorrinhos junto com a mala para levá-los...

Stela disse...

Senhora Mary, ou amiga Mary, adorei seu blog, ele é lindo...tambem perdi minha cachorrinha final do ano passado, ela de chamava xuquinha, e tinha 10 anos...chorei muito,e a saudade é muito grande ainda, as vezes a noite acordo pensando ouvir o barulinho das patinhas dela, andando dentro de casa...minha avó e minha mãe tbm sentiram muito, mas fazer o que, não é mesmo? O que conpensa é que demos a ela todo o carinho que podiamos, e ela sentiu que era querida até seu ultimo momento..
Beijos amiga, adorei conhecer voce, mesmo que através do email da minha mãe.. As sextas -feiras, é eu que irei postar sobre nossos bichinhos a voce, já pedi o espaço para a mamis....
Luciana